Posts

Segunda-feira, 30 de Novembro de 2009

(Exerto nº 3 do meu livro - Sam I, Pág.36/37)

 

 

publicado por sawyer às 21:38
música: Tracy Chapman

Enfim, mais um pequeno excerto. Simples palavra provenientes da ponta de uma caneta (transcritas para o computador -.-"), palavras que soam como o cair de uma gota num lago, não se sente mas bate, algo que já estou tão acostumado que não o trocaria por nada.

Que hei de dizer? ela escreve como ninguém. Ironicamente digo palavras para quê?

Beijo Salvator
João Almeida ( fã nº1) a 30 de Novembro de 2009 às 21:53

Raínha da noite? Tens algum segredo que me queiras contar quando eu estiver prestes a alcançar o numero 16? Conta-me só nesse dia, sim? :D
Ao menos que seja no numero 16... o 15, eu cheguei à conclusão que é demasiado pequeno.
RAínha da noite, ao lado de quem? (ahahah D...n)

Mas falando noutros assuntos... Como sabes voltei a ler o coiso da S.M. e sabes que a minha opinião não mudou em relação a uma coisa... e já lá vai desde que li pela primeira vez um texto teu... principalmente o livro.
Sabes que tu escreves tal e qual à tradução dele/a? Igualzinha... expressões, palavras, sentimentos, as formas de a protagonista se envolver com o meio... É parecídissímo! (não leves a mal sim? Porque eu tinha que dizer isto... além disso não disse o nome do/a autor/a... mas acho que tu percebeste a quem eu me refiro...

(fiquei surpreendida com a "Raínha da noite" ahahahahah, fartei-me de rir!)
beijos, Sra escritora!
Bonnie a 1 de Dezembro de 2009 às 10:57

Já tenho textos dedicados a mim e tudo (x
ainda me vais ajudar a escrever as letras para as minhas musicas (;
Miguel Viegas a 1 de Dezembro de 2009 às 12:58